Tributário


Me formei em Medicina, e agora?

Formei em Medicina e não sabe por onde começar! Este é seu dilema? Leia esse post até o final e saiba e comece sua carreira com o pé direito.

O mercado está cada vez mais dinâmico e competitivo, com isso os que acabaram de se formar saem da faculdade sem nem mesmo saber por onde começar a investir. E claro, não é diferente quando se trata da área de medicina. Após pegarem seus diplomas, os novos médicos se assustam com a quantidade de colegas competindo por vagas entre si. Assim, sem ter uma direção eficiente para começar a exercer suas atividades, se perguntam: Me formei em Medicina, e agora?

Não sabe por onde começar? Então, leia esse post até o final e saiba o que fazer nesse momento de desafio em sua carreira.

Residência médica

Antes de tudo, uma das opções mais comuns é a residência. Ela gera para os médicos maior campo de atuação e mais oportunidades. Assim, ser especialista em uma área é garantir mais autonomia pro futuro.

Em primeiro lugar, os jovens Médicos se formam desejando ingressar em uma especialização. Apesar de ser um período de longos anos de trabalho, toda dedicação é válida para se alcançar o título de especialista.  Nesse período, o valor que se recebe é o mesmo de uma bolsa de estudos. Para entrar na residência é necessária a realização de provas. Por isso, o tempo que os Médicos precisam investir para os estudos é a questão mais importante.

Pós e prova de título

Uma pós-graduação é outra opção para se especializar em diferentes áreas da Medicina. Esses cursos têm, em média, dois anos de duração. E, nesse período, o estudante tem a chance de fazer atividades de extensão, pesquisa e ensino.

Após o fim da pós, é preciso fazer prova de título. O que nada mais é do que um exame teórico e prático que visa entregar a habilitação do Médico para exercer essa área. Com isso, é importante que o doutor se atente ao edital e obtenha todas os dados importantes sobre o processo. Já que cada Sociedade Brasileira (de especialidade) exige requisitos diferentes para acesso.

Abrir um consultório médico

Para quem sonha em empreender na área, abrir um consultório é uma ótima indicação para um médico recém-formado. Apesar de ser necessário paciência para esperar os rendimentos financeiros começarem a aumentar, essa opção garante horários de trabalho mais flexíveis. Isso é necessário porque a fidelização de pacientes pode levar tempo.

O médico empreendedor precisa ter noções básicas de administração e processos contábeis para manter o seu negócio em funcionamento. No entanto, nesse casos, é crucial que o médico conte com o apoio especializado para não ficar com todo o trabalho. E, pra isso, existem contabilidades voltadas unicamente para o segmento da saúde.

Assim, todos os processos relacionados à contratação, tributos, balanços patrimoniais e questões financeiras podem ser feitos pela contabilidade. Assim, o médico terá mais tempo para exercer sua profissão e buscar estratégias eficientes para aumentar cada vez mais os seus rendimentos financeiros.

Gostou das dicas? Conforme vimos, a etapa após a formatura é desafiadora, pois há diversas possibilidades no mercado de trabalho. Agora que você já conhece os melhores formas de trabalho após a sua formação, que tal conhecer os nossos serviços?

Acesse o nosso site e saiba como podemos facilitar suas atividades. Se preferir, entre em contato conosco pelo nosso WhatsApp ou envie um e-mail para tirar dúvidas.


Leia também: Abertura de CNPJ para Médicos

Sobre a Autora:

Adriana FrançaAdriana França

Sócia fundadora da ContaDr. e Especialista em Contabilidade para Profissionais da Área da Saúde

Linkedin contato@contadr.com.br

Contabilidade para Médicos e Dentistas

Outras publicações

Abaixo estão algumas publicações que podem te interessar