Como mudar de contabilidade?

Como mudar de contabilidade?


29/10/2020

Todo mundo conhece ou já ouviu falar de algum empresário que, por motivos diversos, viu-se obrigado a mudar a contabilidade de seu negócio. Em alguns casos, sua empresa cresce de tal forma que escritórios menos preparados não têm estrutura suficiente para lidar com a demanda.

A troca de escritório de contabilidade é, afinal, um direito do consumidor e, diferentemente do que muitos imaginam, não há um prazo exato para fazê-lo. Se o contratado não está dando conta do serviço, é melhor trocar o quanto antes.

Entenda a necessidade de ter um escritório de contabilidade alinhado com seus interesses e de que forma você pode fazer a troca:

Por que a contabilidade é tão importante?

Grosso modo, o serviço de contabilidade é o principal responsável por organizar todas as contas da empresa. Isso significa que, se em harmonia com os procedimentos, pode ajudar a reduzir custos, otimizar os processos e fazer com que você se foque no que realmente importa – produzir.

Um esquema contábil bem estruturado também facilita a prestação de contas entre a empresa e a Receita, evitando dores de cabeça com o Fisco e evitando a possibilidade de cobranças adicionais desnecessárias de tributos.

Escolher um escritório de contabilidade competente, ágil e focado em suas necessidades é tudo o que você precisa para decolar durante a crise. O descumprimento de prazos, atendimento a desejar, problemas de entendimento entre as partes e falta de dinamismo são apenas alguns exemplos de problemas que jamais podem fazer parte de sua receita.

Como trocar a contabilidade?

Antes de tudo, é fundamental informar à atual empresa que haverá a mudança. Isso é necessário para que toda a documentação pertinente seja devidamente separada para dar andamento ao processo de portabilidade.

É preciso exigir todos os dados de acesso aos sistemas utilizados pela contabilidade, a fim de que sejam repassados à próxima. Além disso, deve-se solicitar um balanço sobre a situação cadastral da empresa, a fim de evitar problemas posteriores. As documentações deverão, por fim, ser encaminhadas ao novo escritório.

Documentos necessários

– Documentação dos sócios (CPF, RG, comprovante de residência);

– Código de acesso para o Simples Nacional;

– Extratos bancários completos, desde a abertura da empresa até o momento da troca de escritório;

– Comprovantes de pagamentos (físicos e/ou digitais);

– Comprovante de pagamento de tributos ao governo (INSS, FGTS, PIS, COFINS etc.);

– Notas Fiscais;

– Acesso ao Certificado Digital;

– Contrato Social da empresa;

– Documentação completa a respeito de empréstimos e financiamentos, caso façam parte do patrimônio da empresa.

Todas estas informações são fundamentais para que o processo de troca de escritório de contabilidade ocorra de forma correta. Em caso de dúvidas, você sempre pode perguntar à nova empresa se é necessário algum documento adicional. Afinal, cada caso deve ser tratado de forma individual.

Sua clínica pode estar gastando mais dinheiro do que deveria com impostos, consumo interno ou mesmo com o próprio escritório de contabilidade. Se estiver precisando de ajuda, não se preocupe: entre em contato conosco que faremos todo o possível para ajudar você.


Leia também: Plano de contas para Clínicas e Consultórios

Sobre a Autora:

Adriana FrançaAdriana França

Sócia fundadora da ContaDr. e Especialista em Contabilidade para Profissionais da Área da Saúde

Linkedin contato@contadr.com.br


Gostou desta matéria? Receba mais informações importantes para o seu Negócio se inscrevendo na nossa Newsletter mensal!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *