Imposto de Renda: Dicas fundamentais para economizar

Imposto de Renda: Dicas fundamentais para economizar

Chegou a hora de acertar as contas com a Receita Federal e muitas pessoas acabam se perdendo na hora de fazer a declaração do I.R. Para te ajudar, a ContaDr trouxe algumas dicas fundamentais sobre o Imposto de Renda para que você não corra o risco de cair na Malha Fina. 

Documentos para da declaração do I.R

A junção dos documentos para o Imposto de Renda é extremamente importante porque se o declarante esquecer algum documento ou ignorá-lo, a declaração pode ser transmitida com erros ou falta de dados. A consequência disso é a inclusão na malha fina.

Uma dica, é aproveitar o modelo da sua declaração do ano anterior para ter como base a deste ano. Isso é super importante para a informação ficar coesa. Mas se você não tiver esse modelo guardado, você precisará de juntar os seguintes documentos para fazer a comprovação:

  1. CPF, Título de Eleitor e Comprovante de Endereço
  2. Nome e CPF dos Dependentes
  3. Comprovantes de Rendimentos de Pessoa Física
  4. Informe de rendimentos de aplicações ou extrato de investimentos
  5. Comprovantes de Pagamentos (Educação, Saúde e Previdência Privada)
  6. Comprovantes de Aquisições de Bens
  7. Saldo de Contas, Aplicações e Poupança do Dia 31 de Dezembro
  8. Comprovantes de Dívidas
  9. Comprovante de Previdência Social do Empregado Doméstico
  10. Arquivo e recibo do IR Feito no ano anterior
  11. Recibo de doação
  12. Documentação de imóveis (IPTU e Matrícula) e veículos (CRLV)

Dicas importantes

1 – O Informe de Rendimentos pode ser retirado diretamente na Receita Federal. No caso de Pessoa Jurídica, é possível puxar as despesas que você teve com saúde.

2 – Não se esqueça de lançar o INSS de empregados, eles podem ser descontados no IR.

3 – Guarde os comprovantes de escola particular ou faculdade dos seus filhos. Eles também podem reduzir os impostos.

4 – Se houve alguma reforma no imóvel lembre-se que ele poderá ter aumento no valor conforme os valores gastos. Lembre-se de guardar todos os comprovantes.

5 – Viajou para um congresso ou seminário? Você pode lançar todas as despesas referentes aos eventos da área! Você pode lançar hotel, inscrição e até a passagem de avião para o congresso. Use o Livro Caixa para deduzir esses gastos.

Doe direto no I.R.

Você sabia que seu imposto de renda pode transformar vidas? Isso mesmo, pessoas físicas podem doar até 6% do Imposto Devido se doado até 31/12. Se a doação ocorrer no período da declaração, o percentual máximo é de até 3%. Em todas as situações os valores são utilizados como abatimento. Ou seja, ao invés de destinar esse valor ao governo, a quantia será transferida para entidades beneficentes.

Mas fique atento, nem toda organização social está credenciada a receber esse tipo de doação. Antes de decidir doar o valor, é importante certificar-se quais instituições atendem aos pré-requisitos. Lembrando que é importante guardar os comprovantes de depósito do ano anterior para efetuar a declaração de IR.

Se precisar de ajuda para fazer a declaração do I.R. a melhor opção é contratar um bom contador. Na ContaDr temos profissionais especialistas em contabilidade para a área da saúde. Organizamos o seu dinheiro e aproveitamos todas as brechas legais para você pagar menos impostos.

 

Se gostou das dicas de hoje, não deixe de acompanhar nossos conteúdos aqui no blog e nas redes sociais da ContaDr.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *