Contabilidade para Clínicas

Contabilidade para Clínicas


20/11/2020

Toda empresa que queira funcionar de forma correta e se manter no mercado, precisa contar com a ajuda de uma boa contabilidade. Essa ideia não é diferente para empresas do segmento da saúde. Uma contabilidade para clínicas médicas, que oferece serviço personalizado, pode fazer toda a diferença.

Um bom contador vai servir para cuidar de toda a parte burocrática e assim permitir que os profissionais da saúde, ocupem seu tempo com que é mais importante: cuidar de seus pacientes.

Nesse artigo, vamos falar sobre a importância desse profissional para as clínicas e quais serviços podem ser ofertados por eles. Acompanhe!

O que uma contabilidade fará em uma clínica?

O contador vai atuar desde a abertura da empresa, até o período de seu funcionamento. Muitos médicos que resolvem empreender, acabam contratando um contador, apenas pelo fato de ser algo obrigatório.

Uma boa assessoria contábil vai prestar suporte de diversas formas, seja para avaliar o patrimônio, auxiliar nas finanças da empresa e também colaborar para que o médico cumpra com todas as suas obrigações fiscais e legais.

Basicamente, o contador para clínicas tem a obrigação de colaborar com o crescimento e desenvolvimento do negócio. Dessa forma, sua atuação é importante desde a abertura da empresa.

A contabilidade fica responsável por cuidar de toda questão de escrituração contábil e também das leis trabalhistas. Além disso, ele poderá atuar de forma estratégica na parte financeira e na gestão de pessoas.

O importante é entender que o contador pode possuir diversas funções dentro de uma clínica, seja ela de forma burocrática ou até mesmo como um consultor.

Abertura de empresa

O processo para abertura de uma clínica não é algo muito complexo, porém pode ser ainda mais fácil se puder contar com a ajuda do contador. Nesse quesito, o profissional da contabilidade vai ser responsável por reunir toda documentação necessária para fazer com que a clínica seja aberta de forma legal.

Outro ponto importante é que no momento da abertura, o contador vai auxiliar o empreendedor a definir qual o regime tributário ideal para o seu tipo de negócio. Afinal de contas, essa questão é uma das mais complicadas de se definir.

Para a abertura serão necessários os seguintes documentos:

  • Cadastro do Contrato Social no Conselho Regional de sua atividade;
  • Registro no Cartório Pessoa Jurídica;
  • Cadastro regularizado do CNPJ;
  • Cadastro Prefeitura;
  • Alvará de Funcionamento, Vigilância Sanitária, CNES e demais licenças. Esse item vai variar de acordo com a atividade.

Tributação

A tributação é um dos grandes problemas de qualquer empresário, afinal, os impostos precisam ser pagos em dia para evitar o pagamento de multas.

Nesse caso, a assessoria contábil se torna responsável por gerar guias e demonstrativos de pagamento, além de efetuar a escrituração contábil e elaborar os livros-caixa. Essas funções fazem parte da questão burocrática. Já no que diz respeito à consultoria, a contabilidade vai ajudar o empresário na hora de definir qual o regime tributário ideal para o seu negócio, Lucro Presumido, Lucro Real ou Simples Nacional.

Setor Financeiro

No setor financeiro, a contabilidade será essencial para ajudar o proprietário da clínica, manter todos os pagamentos em ordem. Com atenção ao fluxo de caixa, o contador vai conseguir entender como está o lucro da empresa, pois através desse trabalho é possível entender todas as despesas e tudo que a clínica tem faturado.

Assim, um dos pontos mais importantes é que o contador vai fazer com que o empreendedor saiba separar a Pessoa Física da Pessoa Jurídica. Afinal de contas, é necessário entender que as finanças não podem se confundir nesse processo.

Vantagens de ter uma contabilidade na sua clínica médica?

Apesar de você já saber quais são os serviços prestados por uma contabilidade médica, precisamos falar a respeito de todas as vantagens que existem nesse tipo de serviço.

A primeira coisa a se analisar é que o profissional da saúde terá mais tempo para se dedicar a sua atividade. Dessa forma, seu atendimento será muito melhor, pois seus esforços estarão 100% em seus pacientes. Isso acontece porque todas as questões administrativas e burocráticas ficarão a cargo da contabilidade.

Outro fator importante diz respeito à economia gerada, pois mesmo que você tenha que pagar esse serviço, ainda será mais econômico. Vamos explicar: se você abre sua clínica, mas não coloca no regime tributário ideal, as chances de acabar pagando impostos desnecessários são muito grande. Além disso, a falta de organização nas finanças pode ser crucial na diminuição da sua lucratividade.

Uma das vantagens mais impactantes é com relação a produtividade, que acaba sendo maior. Nesse caso, o médico não precisa gastar horas semanais para cuidar da parte administrativa, pois já possui uma assessoria que vai fazer todos os procedimentos.

Nesse mesmo ponto, podemos citar a organização e profissionalismo. Afinal de contas, as contabilidades possuem profissionais especializados e que já possuem bagagem para determinados serviços. Com as contas organizadas, será mais tranquilo trabalhar sem preocupações.

Como escolher uma contabilidade para sua clínica médica?

Muitos dos negócios abertos em nosso país acabam não durando mais que um ano. Isso ocorre, principalmente, por falta de planejamento e de profissionalismo. Por esse motivo, é de suma importância contar com uma contabilidade e escolhe-la da melhor forma possível. Para isso, atente-se as seguintes dicas:

1. Competência técnica

Procure uma contabilidade que seja especializada no setor de clínicas médicas. Isso é importante, pois cada atividade possui suas particularidades, o que acaba influenciando, e muito, no resultado final.

2. Pesquisa

O empreendedor precisa pesquisar o histórico da contabilidade. Para isso, avalie o que antigos clientes acham da empresa e verifique o CNPJ e certidão negativa do escritório. Afinal, se uma contabilidade não está em dia com suas obrigações, como ela poderá auxiliar sua clínica?

3. Analise o atendimento e a comunicação

Veja como a contabilidade tem lhe atendido e como é o sistema de comunicação entre eles e os clientes. Essa é uma parte muito importante, pois vocês deverão estar em sintonia.

4. Honorários

Tenha todas as informações necessárias para saber como será o pagamento dos honorários, pois isso evitará surpresas.

Gostou desse artigo? Para saber mais, acesse o nosso site e entre em contato conosco.


Leia também: Plano de contas para Clínicas e Consultórios

Sobre a Autora:

Adriana FrançaAdriana França

Sócia fundadora da ContaDr. e Especialista em Contabilidade para Profissionais da Área da Saúde

Linkedin contato@contadr.com.br


Gostou desta matéria? Receba mais informações importantes para o seu Negócio se inscrevendo na nossa Newsletter mensal!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *